segunda-feira, 23 de abril de 2012

Conflito


Conflito


Silêncio veneno da dor
Dor latente  e sempre presente
Conflito entre a dor e a existência.
...
Correnteza

quarta-feira, 18 de abril de 2012


Se temos de esperar,
que seja para colher a semente boa
que lançamos hoje no solo da vida.
Se for para semear,
então que seja para produzir
milhões de sorrisos,
de solidariedade e amizade.
Cora Coralina

quinta-feira, 12 de abril de 2012



Coração é terra que ninguém vê

Quis ser um dia, jardineira
de um coração.
Sachei, mondei - nada colhi.
Nasceram espinhos
e nos espinhos me feri.

Quis ser um dia, jardineira
de um coração.
Cavei, plantei.
Na terra ingrata
nada criei.

Semeador da Parábola...
Lancei a boa semente
a gestos largos...
Aves do céu levaram.
Espinhos do chão cobriram.
O resto se perdeu
na terra dura
da ingratidão

Coração é terra que ninguém vê
- diz o ditado.
Plantei, reguei, nada deu, não.
Terra de lagedo, de pedregulho,
- teu coração. Bati na porta de um coração.
Bati. Bati. Nada escutei.
Casa vazia. Porta fechada,
foi que encontrei...

Cora Coralina

sábado, 7 de abril de 2012



Dúvidas... muitas dúvidas
Procuro me escutar...
Procuro no silêncio encontrar respostas.
Que respostas....não encontro e continuo com minhas dúvidas.

...

segunda-feira, 2 de abril de 2012


Não posso dar-te soluções
para todos os problemas da vida,
nem tenho resposta
para as tuas dúvidas ou temores,
mas posso escutar-te
e repartir contigo.